7 de dezembro de 2021

“SEJA MUITO BEM VINDO A ESTA CIDADE” – TERROR EM SILENT HILL

FICHA TÉCNICA:

Nome original: Silent Hill
Nome do Brasil: Terror em Silent Hill
Gênero: terror
Ano: 2006
Duração: 2h 05min
Direção: Christophe Gans
Elenco principal: Radha Mitchell / Sean Bean / Jodelle Ferland / Laurie Holden/
Deborah Kara Unger / Alice Krige / Tanya Allen / Kim Coates/
País de produção: França / Canadá

RESENHA (SEM SPOILERS):

Rose da Silva (Radha Mitchell) é uma mulher atormentada,
já que sua filha Sharon (Jodelle Fernand) está morrendo de uma doença fatal.
Contrariando seu marido, Rose decide levá-la a uma cidade,
que sempre menciona em seus sonhos quando está sonâmbula.
No caminho para encontrá-la Rose atravessa um portal,
que a leva à cidade deserta de Silent Hill.
Lá Sharon desaparece, o que faz com que Rose procure a menina por todos os lugares.
É quando Rose descobre que a aparente cidade deserta,
é na verdade habitada por criaturas demoníacas,
que surgem de praticamente todos os lugares em que toca.
Terror em Silent Hill é um excelente filme,
não precisa conhecer a série de jogos do qual ele foi baseado para apreciar o filme.
O diretor conseguiu trazer a essência do terror psicológico que tem nos jogos,
e nos presentear com maravilhosas atuações, um ótimo roteiro bem construído,
e com muitos efeitos especiais aterrorizantes.
recomendado para quem curti um bom filme de terror ou conhece a série de jogos.

Texto realizado ao som de Silent Hill 2 OST – Theme of Laura

NOTAS E CURIOSIDADES:

Terror em Silent Hill é baseado nos dois primeiros jogos da série de jogos “Silent Hill”.
Mas tem muitos elementos dos outros jogos também.

Foram necessários 5 anos para que o diretor Christophe Gans
conseguisse os direitos de adaptação para o cinema da série de jogos “Silent Hill”.

Christophe Gans enviou à Konami um vídeo com uma entrevista sua,
em que falava sobre a importância que a série tinha para ele.
Além disto, o vídeo continha cenas feitas pelo diretor por sua conta,
que traziam trechos do que seria o filme com a trilha sonora da série de jogos.

No roteiro original de Terror em Silent Hill haviam apenas mulheres como personagens.
Após a reclamação dos produtores, foi incluído o personagem de Sean Bean na história.

Várias das criaturas foram interpretadas por dançarinos.
Esta escolha foi feita para que os atores fossem flexíveis
o suficiente para realizar os movimentos vistos em cena.

Christophe Gans originalmente queria que Cameron Diaz fizesse o papel de Cybil Bennett.

A versão inicial de Terror em Silent Hill tinha 3 horas e meia de duração.
A TriStar fez com que o diretor Christophe Gans cortasse o filme
de forma que tivesse sua duração final.

SFC – Onde quase todo dia é Sexta-feira!