1 de dezembro de 2021

“AQUELE QUE AUMENTA O CONHECIMENTO AUMENTA A DOR” – ASSASSIN’S CREED: A CRUZADA SECRETA

FICHA TÉCNICA:

Titulo: Assassin’s Creed: A Cruzada Secreta
Título Original: Assassin’s Creed: The Secret Crusade
Autor: Oliver Bowden ( Pseudônimo de Anton Gill, historiador e escritor francês)
Gênero: Fantasia / Ficção Histórica
Editora: Galera Record
Coleção /Arco: Assassin’s Creed
Publicação: Original 2012
Número de Páginas: 336 páginas

RESENHA (SEM SPOILERS):

Assassin’s Creed: The Secret Crusade
é o terceiro livro baseado na série Assassin’s Creed.
Nele, Niccolo Polo, pai do explorador Marco Polo
conta a história é da vida de Altaïr ibn la-Ahad.

Tudo começa em Acre, o ano é 1191.
Altair, a pedido de seu mestre Al Mualim,
recebe a missão de recuperar um artefato precioso na Terra Santa,
mas devido à sua arrogância e impulsividade, vai tudo por água abaixo.
Altair é poupado da sentença de morte,
mas é destituído de seu status e volta a ser um aprendiz.
Para mostrar a sua lealdade tem de cumprir nove missões,
nove vidas em troca de uma,
e após isso a missão mais importante de sua vida.

O Livro é escrito com ares de um jogo,
nove missões progressivas para chegar na missão final.
Algumas cenas no livro aparentam, inclusive, uma mecânica de jogo,
por exemplo, vários oponentes se revezando no ataque de dois em dois

Resenha escrita ao som de Kansas – Dust in the wind

SFC – Onde quase todo dia é Sexta-feira!