16 de agosto de 2022

“QUE PAPELÃO HEM BOWSER!” – PAPER MARIO

APRESENTAÇÃO:

Paper Mario é um jogo de RPG, foi desenvolvido pela Intelligent Systems
e publicado pela Nintendo para o Nintendo 64, lançado em Agosto de 2000.
Foi relançado para o Virtual Console do Wii, Wii U e o Nintendo Switch Online.

Caixa, cartucho e manual de Paper Mario

HISTÓRIA:

A história de Paper Mario gira em torno da Star Rod,
um bastão que pode realizar os desejos da pessoa que o possuir.
Os guardiões deste artefato são os Espíritos Estelares (Star Spirits).
Nosso protagonista Mario vai á uma festa no castelo da princesa Peach.
Ao se encontrar com a princesa, Bowser aparece e leva o castelo para o céu,
joga Mario pela janela e aprisiona os Espíritos Estelares em cartas,
e espalha todos eles em cada canto do Reino Cogumelo.
Então Mario parte em busca resgatar os 7 Espíritos Estelares,
Salvar o Reino Cogumelo e a princesa Peach (só pra variar, rsrs).

Goombario é o primeiro membro a se juntar a equipe do Mario.

GAMEPLAY:

A jogabilidade de Paper Mario é uma mistura de RPG japonês tradicional
e recursos de plataforma do bom e velho estilo do Mario.
Paper Mario usa um sistema de batalha de visão lateral baseado em turnos.
Mario tem a capacidade de pular tanto no mundo superior quanto na batalha,
e pular continua sendo uma das ações mais importantes do jogo.
O jogador controla Mario e um grupo de seguidores pelo Reino Cogumelo,
conversando com os NPCs, explorando masmorras e lutando contra inimigos.
Assim como o Super Mario RPG do SNES, o Action Command está presente nesse jogo.
No Nintendo 64 foi melhor aprimorado, a ideia é bem básica: para cada tipo de ataque,
existe um momento certo para apertar um botão e aumentar o poder de ataque ou defesa.
Se vai acertar um pulo, aperte A alguns instantes antes de acertar o inimigo.
Se vai usar o martelo, segure o direcional para esquerda e solte no momento certo.
E o Action Command se estende para todos os ataques dos parceiros,
fazendo com que a batalha fique bem mais animada e nada monótona.

Paper Mario usa um sistema de batalha de visão lateral baseado em turnos.

Eliminando os inimigos, Mario recebe experiência na forma de Star Points.
Sempre que a contagem de Star Point de Mario chega a 100,
seu nível aumenta em um ponto e o jogador pode escolher
se deseja aumentar os corações (HP), as flores (FP) ou os emblemas (Acessórios).
Depois que a batalha termina, o jogo volta para o mundo superior.
O inimigo que desencadeou a batalha desaparece e deixa para trás moedas,
corações ou flores que restauram HP e FP respectivamente, ou itens.
Uma outra parte importante do Paper Mario é o sistema de membros do grupo.
Ao longo de sua jornada, Mario faz amizade com vários moradores do Reino Cogumelo
que se juntam a ele em sua busca, conhecidos como “membros do grupo” .
Cada membro do grupo tem uma habilidade do mundo superior que pode ser usada
para ajudar o Mario a avançar no jogo de alguma forma, como o vôo de Parakarry
ou a capacidade de Watt de iluminar áreas escuras e revelar blocos ocultos.
Além disso, os membros do grupo podem ajudar Mario nas batalhas com suas habilidades.
São 8 Membros do grupo que vão aparecendo e se juntando na equipe.

Esses são os membros do grupo que vão aparecendo e se juntando na equipe.

OS MEMBROS DO GRUPO:

Goombario: Um Goomba que tem a habilidade de contar ao jogador
sobre qualquer personagem, ambiente e mostrar o HP dos inimigos.

Kooper: Um Koopa Troopa com a capacidade de jogar sua concha
em objetos inalcançáveis

Bombette: Uma Bob-omb com a capacidade de explodir partes rachadas das paredes.

Parakarry: Um Paratroopa com a capacidade de ajudar Mario
a atravessar buracos grandes demais para pular.

Lady Bow: Uma Boo com a habilidade de fazer Mario ficar invisível e transparente.

Watt: Um Li’l Sparky com a capacidade de iluminar salas e revelar objetos escondidos.

Sushie: Um Cheep-Cheep com a capacidade de permitir que Mario nade

Lakilester: Um Lakitu com a capacidade de permitir que Mario
atravesse ambientes perigosos, como espinhos ou lava.

Paper Mario tem gráfico belíssimos, caprichados e bem coloridos.

GRÁFICOS E SONS:

Paper Mario tem gráfico belíssimos, caprichados e bem coloridos.
Os personagens do jogo são desenhados como um sprite 2D,
revelando-se como papel fino ao se virar, e muitos elementos
dos ambientes também são retratados como sprites 2D.
OS efeitos sonoros são perfeitos e as músicas trazem melodias cativantes.
Todas as composições do jogo foram escritas por Yuka Tsujiyoko,
com um arranjo reprisado de jogos anteriores de Super Mario por Koji Kondo.

As batalhas com os chefes são espetaculares e exigem um pouco de estratégia.

CONCLUSÃO:

Paper Mario é um excelente RPG para o Nintendo 64,
A franquia já rendeu diversas continuações para os consoles da Nintendo.
Combina elementos de RPG com conceitos e recursos da série Mario,
trazendo um jogo divertido, original e bastante inovador pra época.
Paper Mario é um dos melhores jogos e um clássico para o N64!

SFC – Onde quase todo dia é Sexta-feira!