7 de dezembro de 2021

“NADA SERÁ COMO ANTES” – CRISE NAS INFINITAS TERRAS

FICHA TÉCNICA:

Nome original: Crisis of Infinite Earths
Nome no Brasil: Crise nas Infinitas Terras – Edição Definitiva
Gênero: Graphic Novel
Editora: Panini Comics – Edição especial
Roteiro: Marv Wolfman
Arte: George Perez
Número de Páginas: 464
Ano de Publicação: 2016

Material originalmente lançado em Crisis of Infinite Earths 1 ao 12 (1986).

DO QUE SE TRATA ESSA TAL CRISE?

Uma onda de antimatéria está erradicando universos inteiros.
Para impedir a destruição, um ser semidivino chamado Monitor
reúne diversos heróis para viajar pelo espaço e pelo tempo,
para deter esse apocalipse cósmico.

RESENHA (SEM SPOILERS):

Crise nas Infinitas Terras é uma história de um imenso crossover
com todos os personagens da DC Comics,
criados até a época de seu lançamento original, claro.
No Multiverso da DC, havia muitos universos diferentes
e causava uma certa confusão entre os roteiristas e os fãs,
com a cronologia das histórias, afinal eram quase 4.000 terras,
Então “A crise nas infinitas terras” foi feita para colocar ordem na casa
e para comemorar os 50 anos da DC Comics.
Esta edição é recheada de extras (quase 100 páginas),
mostrando muitos detalhes, de como a “Crise” foi gerada
e também as consequências pós crise.
A trama traz uma carga dramática em certo ponto da saga,
como a morte de alguns heróis queridos pelo público.
de uma maneira nunca vista antes no universo DC, até então…
Então prepare-se para ler uma das maiores
e importantes sagas de todos os tempos!

Resenha escrita ao som de Um Minuto Para o Fim do Mundo – CPM22

SFC – Onde quase todo dia é Sexta-feira!